Redes sociais chegam aos laboratórios científicos

quinta-feira, 27 de maio de 2010


Laboratree. Este é o nome da mais nova rede social lançada na internet. Ao contrário das tradicionais redes sociais, como Orkut, MySpace ou Facebook, porém, o Laboratree é voltado exclusivamente para cientistas.
Rede social para cientistas
O objeto da rede social para cientistas é oferecer uma plataforma onde não apenas o relacionamento entre os pesquisadores, mas também o próprio trabalho de pesquisa possa ser feito de maneira prática e interativa.
O programa possui recursos para o gerenciamento de artigos científicos, dados de experimentos, organização de grupos e projetos, envio de mensagens, blogs para os pesquisadores, além das tradicionais ferramentas de perfis pessoais e das equipes.
Plataforma OpenSocial
O Laboratree implementa a plataforma OpenSocial, que emprega uma abordagem de auto-organização para interpretar os relacionamentos entre as pessoas e as organizações. A utilização do OpenSocial significa que os aplicativos e ferramentas de terceiros podem ser conectados ao Laboratree e livremente compartilhados com outras redes sociais que implementem a mesma plataforma.
"Minha concepção é que nós devemos realmente tentar fazer as coisas em uma rede social, isto é, nós devemos considerar a rede social como um modelo por meio do qual nós fazemos as coisas," diz o Dr. Sean Mooney, da Universidade de Indiana, nos Estados Unidos e um dos criadores do Laboratre

0 comentários:

Postar um comentário

 
Twitte News | by TNB ©2010