Como as Redes Sociais Podem Ajudar na Carreira

terça-feira, 25 de maio de 2010

O conceito de redes sociais está muito ligado a sites de relacionamento como Orkut, Facebook, MySpace, nos quais as pessoas interagem, disponibilizam fotos, músicas, enviam mensagens etc. No entanto, existem redes que desenvolvem conceitos um pouco diferentes.

Esse é o caso do Peabirus (www.peabirus.com.br). Como rede social ou plataforma de software para rede social, o Peabirus está no ar há pouco mais de dois anos, mas o projeto nasceu em 2002. A ideia concretizou-se em 2000, quando o jornalista com formação em História Rodrigo Lara Mesquita associou-se ao economista Oswaldo Gouvêa de Oliveira Neto para desenvolver um projeto de rede social.



Rodrigo Lara Mesquita

Os dois trabalhavam com tecnologia de informação e comunicação desde o início dos anos 90 e já tinham se envolvido em projetos que dependiam das TICs (Tecnologias da Informação e Comunicação).

O Peabirus é uma rede social aberta e gratuita. Esta rede conecta profissionais, empresas e instituições, que trabalham em rede para viabilização dos seus projetos na internet, sejam eles de negócios, sociais ou políticos.

A rede conta hoje com pouco mais de 20 mil usuários cadastrados e, como está aberta na internet, uma audiência de cerca de 400 mil visitantes únicos/mês. Prevalece no perfil destes usuários, pequenos e médios empreendedores de todos os setores, PMEs, profissionais e acadêmicos ligados à inovação.

Ao contrário das outras redes sociais que estão hoje no mercado, o Peabirus está totalmente aberto na internet. Você só tem que se logar para poder publicar algum conteúdo. "O Peabirus está totalmente aberto na internet porque o modelo de negócio dele não se alicerça em publicidade. As páginas do Peabirus, tanto as de perfil quanto as de comunidades, são dos usuários. Fornecemos ferramentas e incentivamos os usuários a colocarem publicidade por sua própria conta, com toda a receita revertendo para eles", explica Rodrigo Lara Mesquita, sócio diretor da Radiumsystems - empresa que desenvolve e mantém a rede social Peabirus.

A plataforma oferece uma série de ferramentas para o usuário fazer com que sua informação passeie pela internet nas zonas de interesse dele usuário. Por estarem abertas na rede, as informações dos usuários são indexadas de forma mais eficiente nos sites de busca e de bookmarks sociais, assim como podem ser acessadas com mais facilidade por blogs, microblogs e outras ferramentas utilizadas por quem está atuando na mídia social.

Um bom exemplo de utilização dessa rede é o projeto TEIAmg (http://www.teia.mg.gov.br/projeto.php) - Tecnologia, Empreendedorismo e Inovação Aplicados. O Peabirus, através das comunidades Agentes TEIA MG (http://www.peabirus.com.br/redes/form/comunidade?id=1406) e Colaboração e Conhecimento C - 5 (http://www.peabirus.com.br/redes/form/comunidade?id=725), é uma das ferramentas que estão sendo utilizadas no projeto, que está criando uma rede de prestadores de serviços e de conhecimento usando ferramentas e ambientes da WEB 2.0 e auxiliando empresas, escolas, governos, associações, sindicatos das comunidades locais de Minas a incluírem seus projetos na Internet.

Sobre a explosão atual das redes sociais no Brasil, Rodrigo destaca que este é um fenômeno mundial. "A rede não é exclusivamente um meio com capacidade para armazenar e distribuir a quantidade que se desejar de informação. É uma nova infraestrutura cuja evolução impactará todos os processos de relacionamento: sociais, econômicos e políticos".

Segundo ele, as redes sociais começam a trabalhar com este conceito, utilizando-se deste ferramental, a maioria delas com ênfase exclusivamente em entretenimento. "O computador e a rede são meios para as pessoas se expressarem, se relacionarem, expandirem as suas possibilidades de atuação profissional, acadêmica, social, o que seja", conclui Rodrigo.

0 comentários:

Postar um comentário

 
Twitte News | by TNB ©2010